E no sétimo dia…

04/02/2009

Em vez de se quietar no paraíso, a descansar como em todos os outros dias, resolvemos ir em busca de mais aventura pela praia, a bordo de um fora da estrada 1.0. Se não fosse a mão de deus e o empurrão de homens de boa vontade, o transportador de renca azul teria o mesmo fim de um ônibus carregado de crente, tempos atrás. Andar na praia de carro é igual a comer caranguejo. A depender do jeito que você trafega nas fronteiras de risco, é uma delicia ou dá merda. Pausa para reflexão: por que crente gosta tanto de tragédia?

Não foi bem uma tragédia, porque entre mortos e não feridos, sobrou todo mundo, aleluia. Mas o ônibus, contam, antes de ser rebocado como ferro velho ficou uns dias na praia absolutamente triturado, sem um vidro nem um banco para contar a história, como a testemunhar a força das águas.

Carregado com mil dicas recolhidas no dia anterior, algumas tábuas para desatolar, e o pavor secreto dos irresponsáveis, o outrora censurador de quem anda de carro pela praia partiu em ritmo de aventura, inicialmente cauteloso, mas em seguida a 80, 100 por hora, nos trechos mais abertos e completamente desertos. Uma parada aqui para acompanhar uma puxada de rede, outra ali para curtir um banco de areia e tirar foto num banco solitário, a viagem de 20 km resultou deliciosa.

Acontece que eu sou baiano, acontece que a placa indicativa de fim de linha havia sido derrubada naquele dia pela maré. Passei direto pelo ponto de entrada, justamente depois da curva entre o mar aberto e a foz do rio, quando a proximidade da água, antes segura, agora é é zona de risco.

Seguindo a regra de toda fita em série que se preze, deixo a história aqui no melhor pedaço: Barra de Serinhaém, no oitavo dia, quando voltamos novamente, desta vez para acampar.

dsc042121Puxada de rede na estradadsc043911Na rede vêm também os pequenos, no meio do sargaço.dsc046682Arraia se afoga com ar. Deu vontade de virar vegetariano.dsc044912Se toda ocupação fosse assim. Na praia, só o banco.dsc044602Atrás das árvores deve estar a casa do dono do bancoplaca-na-praia1Causa…dsc04235Consequência…dsc04277O crédito destas duas últimas  divido com Maria Sampaio.dsc04276

Anúncios

5 Respostas to “E no sétimo dia…”

  1. blag Says:

    Honrado pela honra é dose – coisa de quem tá aqui, lendo blog atrás de blog, há horas. Releve!!!
    Poeta não erra. Cria novidades.

  2. blag Says:

    Meninos, eu vi esse ônibus detonadaço, na praia. Pena que não fotografei. Parabéns pelo aniversário de casamento. Honrado pela honra de constar na seleta lista de uma autoridade em blogues. Não é pouca coisa!!! Suas memórias das férias tão me estimulando a contar as minhas…

    Taí, um testemunho para provar a veracidade da história. Autoridade em blog?… eu hein! Pouca coisa… sei. Pare de enrolar e conte logo tudo, como dizia Marcinha, antes que o famoso boca de calçola folgada aqui se antecipe.


  3. Nunca é demais repetir… viajei com a família nas férias. Seu texto. Suas fotos! Super bacanas. Quanto à divisão de crédito nas duas cachorrais, aceito muito feliz! Beijo
    Maria

    Viajamos nós, você e todos os seus cachorros. Tem mais deles. Depois que terminar o relato da viagem, vou fazer um post cachorral dedicado a você.

  4. Taiane Says:

    Este cachorro lindo parece está sorrindo pra câmera, rsrsrs. Lindas fotos, não sabia que era um ótimo fotográfo.
    Obrigado, Taiane. Mas divido os elogios da foto cachorral com o próprio – veja além do sorriso, a elegancia a observar o embarque das armadilhas para pegar siri – e com Maria Sampaio. Depois que passei a ler o Continhos para cão dormir, vejo cachorro em tudo que é canto. Descobri com Maria que este mundo é uma grande cachorrada.

  5. Bernardo Says:

    Atolou, nego? apois achei foi pouco! quem manda se achegar na minha terra e não me comunicar?
    Não me conformo…

    Pois, é, era para pelo menos pedir licença… Mas repito, o senhor pulou uma fogueira, pergunte a Maria.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: