Comportas

Abrir pastas velhas é abrir comportas. Tarefa ingrata esta de preencher  com lembranças as caixas de mudança. Bastou a primeira pasta para praticamente a manhã ir embora. Lá estavam Badameiros, da Faróis, com  MarfuzÊnioTênison, Radi e Davi,  no Troféu Caymmi  (com o auxílio luxuoso das letras de Toni Paulo Vascon), lá estava a mana Monica Gedione em uma foto do vídeo da Bienal do Recôncavo, boas lembranças de Cachoeira. Lá estavam fragmentos do passado. E era apenas a primeira pasta.

DSC09544

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s