Cruzeiro

08/11/2014

id_16462_r1

Com uma história na cabeça desde que Simone Prazeres  me contou, na semana passada.  Digna de um  conto, mas travei. Por isso  trago aqui ela crua, quero ajuda, aceitam-se versões.

Década de 1950, ele planejou durante anos um cruzeiro. Incutiu.
Tudo passou ao  segundo plano, tudo era em razão da viagem,  o navio partiria do Rio, ele embarcaria no porto de Salvador em direção às mulheres, à Europa.
Sonhou,  trabalhou, economizou, descuidou do corpo, arruinou os dentes.

Mas o dia chegou. Passagem comprada, ternos de linho comprados, chapéus, dentes novos, superiores e inferiores.Embarcou. Primeira noite, a festa do comandante, cercou quatro. Quase.

Mas bebeu, bebeu, bebeu. As mulheres se recolherem, a  lua apareceu, o mundo girou. Levantou e se apoiou no parapeito do navio, lançou tudo ao mar.Comida, dentes e sonhos.

Seguiu viagem, toda a viagem, trancado no camarote.

Imagem: http://bit.ly/1pCAD7u

Minha versão em construção

Cruzeiro

A vida é aquilo que acontece enquanto você planeja.”
John Lennon.

Debruçado sobre a balaustrada da Praça Castro Alves observa o movimento dos barcos na baía. Completa 35 anos na próxima terça-feira, véspera do embarque. (…)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: