Arquivo da categoria: A que será que se destina?

Notícias

Uma alegria sem motivo, inexplicável mesmo, sobe e irradia pelo peito. Uma, duas, três vezes. Para no sinal e quase liga o rádio. Pra que estragar com notícias?
Melhor observar as pessoas na faixa, de modelos variados, arrumadinhas, a caminho da manhã molhada de abril.

Anúncios

Tempo

A morte matada de  Marielle Castro, de 38 anos,  me pegou no meio do filme sobre  Stephen Hawking, no dia da sua morte morrida aos 76.
Desde então fiquei meio que paralisado e, depois de acordar de mais uma noite mal dormida, me veio a pergunta essencial, guardadas todas as gigantescas proporções: o que estou fazendo desta minha vida neste tempo que me resta?

 

 

Tenho chorado pra cachorro

Voltei a Belchior por meio de Luísa. Ela era criança quando Belchior se picou. Mas chegou outro dia de fevereiro nos intimando a ir ver o show de JosyAra e Giovani Cidreira.

Fomos. E choramos muito. Eu, Soraya e o pequeno teatro Gamboa lotado quase inteiro. O que acontecia ali? Belchior nos avisava que dera tudo errado?

Hoje pela manhã levei Luísa ao Centro Histórico e fui parar na Barroquinha. Ao contornar, avistei o velho edifício na descida, em frente ao antigo restaurante Lótus. Foi ali que ouvi pela primeira vez Belchior, disse a ela, numa festinha daquelas bem a cara da segunda metade da década de 70.

E ao abrir o computador vejo desfilar agora há pouco aqui na TL quase todo mundo confirmando que o sonho acabou mais uma vez.